Hardcore, o filme inspirado pelos jogos em primeira pessoa

hardcore-2

Um dos motivos que levaram os FPSs a se tornarem tão populares é a imersão que o tipo de de câmera utilizado por eles pode proporcionar e por isso não chega a ser surpresa termos vistos outros gêneros a adotando. Para tentar passar a ideia de algo mais real, até mesmo o cinema aderiu a essa estratégia e depois do filme A Bruxa de Blair ter popularizado a técnica, muitas outras produções seguiram seus passos. Agora um novo filme pretende levar a visão em primeira pessoa ao extremo.

Com o sugestivo nome de Hardcore, o longa-metragem é fruto da mente de Ilya Naishuller, diretor-roteirista que ganhou fama ao produzir um clipe (aqui) para a banda Biting Elbows e que já foi visualizado mais de 40 milhões de vezes. É verdade que parte do interesse por ele veio da imagem que ilustra o vídeo, onde aparecem duas mulheres de biquíni, mas o trabalho tem uma boa direção e uma ritmo bastante frenético.

Contando com a participação de Sharlto Copley, ator que apareceu no Distrito 9, a produção tentará passar a ideia de como seria estar na pele do protagonista, que atira, salta, luta e realiza várias outras ações dignas de dar inveja aos maiores astros de filmes de ação, tudo graças as famosas câmeras GoPro e como boa parte dos filmes do gênero, o enredo deverá ser irrelevante, contando a história de Henry, um homem que voltou à vida como um ciborgue criado pela mulher, que acabou sendo sequestrada e agora ele sairá a procura dela.

Embora a maior parte das filmagens do Hardcore tenham terminado, a equipe envolvida ainda precisa de dinheiro para terminar a pós-produção, adicionando efeitos especiais e de som, e por isso eles iniciaram uma campanha no Indiegogo para tentar arrecadar US$ 250 mil, valor que ainda estão bem longe de atingir, mas com um mês pela frente, eles deverão atingir o objetivo.

Eu não sei quanto a vocês, mas mesmo sendo um grande apaixonado por FPSs, não tenho muita certeza se gostaria de assistir um filme inteiro feito desta maneira, mesmo tendo achado que as cenas estão muito bem feitas e coreografadas. Naishuller merece elogios por tentar inovar, mas acho que a visão em primeira pessoa deveria continuar apenas nos games.

The post Hardcore, o filme inspirado pelos jogos em primeira pessoa appeared first on Meio Bit.

%d blogueiros gostam disto: