Ubisoft cancela Season Pass do Assassin’s Creed Unity


3 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 1 Pin It Share 1 LinkedIn 1 3 Flares ×

Assassins-Creed-Unity

A coisa não anda nada boa para o Assassin’s Creed Unity. Embora o jogo tenha sido muito elogiado pelos belíssimos gráficos, a quantidade de problemas que cercaram o seu lançamento alcançaram uma proporção imensa e percebendo que precisava tomar uma atitude, a Ubisoft fez algo que a princípio deixou muita gente bastante preocupada.

Com a intenção de minimizar a frustração dos seus consumidores, a editora revelou que dará o DLC Dead Kings para todos que possuírem o jogo principal, o que poderia ser motivo para comemoração e anunciou também cancelamento das vendas do Season Pass. Mas como ficariam os jogadores que adquiriram o direito de receber todas as expansões? Pois é aí que a história fica interessante.

Como essas pessoas não poderiam sair no prejuízo, a Ubisoft revelou que lhes daria um jogo e ao contrário do que poderíamos imaginar, as opções fornecidas por eles é muito, muito boa. Veja Só:

  • The Crew
  • Far Cry 4
  • Watch Dogs
  • Assassin’s Creed Black Flag
  • Rayman Legends
  • Just Dance 2015

Ou seja, temos aí pelo menos dois jogos que são bastante desejados por muita gente, o The Crew e o Far Cry 4, e por mais que este tipo de situação seja sempre bastante incomoda, o cancelamento do Season Pass acabou se revelando um belo presente e se eu tivesse investido na sua aquisição, agora estaria dando pulos de felicidade.

A decisão também não ficou ruim para quem possui apenas o Assassin’s Creed Unity, já que o DLC que receberão é aquele que levará o jogador à China, com uma jogabilidade em duas dimensões.

Quanto aos inúmeros bugs e problemas que continuam presentes no jogo, o CEO da Ubisoft Montreal, Yannis Mallet, pediu desculpas, admitiu que isso tem tirado a diversão dos que estão tentando aproveitar o título e garantiu que sua equipe está trabalhando pesadamente para acabar com eles.

Não sei quanto a você, mas eu gostei da iniciativa. Contudo, a Ubisoft precisa evitar a todo custo que algo parecido aconteça com seus próximos lançamentos, sob o risco de manchar irreversivelmente a imagem de uma empresa que, apesar das várias falhas que tem cometido ultimamente, ainda permanece como uma das minhas favoritas.

Fonte: PCGamer.